fbpx
gestão de uma rede de lojas

Como fazer a gestão de uma rede de lojas de forma eficiente?

Se o seu negócio cresceu, isso é ótimo! Porém, à medida que sua empresa se desenvolve, é necessário que você aprimore a sua capacidade de administrar. Afinal, para cuidar bem de uma rede de lojas, é preciso lidar com uma grande quantidade de informações e usá-las para tomar boas decisões, não é mesmo?

Quando o negócio cresce, é comum que os empresários tenham dificuldades para fazer uma gestão centralizada de processos, estoque, pessoas, fluxo de caixa e assim por diante. E uma gestão com falhas pode trazer impactos irreversíveis nos resultados.

A pesquisa Desafios do Varejo, lançada em setembro de 2019, revela que 79% dos lojistas já tiveram resultados negativos em função dos novos padrões de comportamento do consumidor. Os principais motivos para a insatisfação dos clientes foram a falta de agilidade na entrega ou no atendimento (33%) e a prioridade para compras online (30%).

Se você está procurando maneiras de lidar com todas essas questões, continue a leitura deste artigo e fique de olho nas nossas dicas para fazer uma boa gestão da sua rede de lojas.

Compreender os desafios da gestão de uma rede de lojas

Gerir uma rede de lojas exige organização e um afinado senso de planejamento. Afinal, são muitos processos que fluem de maneira autônoma, mas que são fundamentais para os resultados da empresa como um todo.

Para elaborar um plano de ação coerente, é importante entender os principais desafios de cada setor e estruturar formas de eliminá-los, promovendo uma atuação integrada e focada em resultados. Abaixo, listamos algumas formas de contornar os principais dificultadores da gestão de uma rede de lojas, levando em consideração setores como Gestão de Pessoas, Financeiro, Logística, Compras e Estoque.

Fazer um controle de estoque global

É necessário manter um bom controle sobre o estoque de cada loja. Assim, você poderá consultar, a qualquer momento, quantas unidades de determinado produto estão disponíveis.

Aliás, por utilizar um bom software de gestão, você terá acesso até mesmo a históricos de vendas e atualização automática do estoque. Isso tornará mais simples a realização de pedidos e evitará excesso ou falta de certos itens, o que traz prejuízo.

Outra consequência de um bom controle de estoque para a gestão de uma rede de lojas é o impacto financeiro com redução de custos. Com um estoque bem organizado, o processo de compras ocorre sem exageros ou imprevistos, o que permite uma melhor negociação com os fornecedores e a aquisição exclusiva daquilo que é necessário.

Ter uma comunicação unificada

Mesmo que seu negócio tenha várias filiais, o ideal é que haja uma padronização nos processos. Se os colaboradores de cada unidade trabalharem de forma semelhante, isso vai contribuir para que você faça uma boa gestão de rede de lojas.

Por isso, é importante ter um canal de comunicação que possibilite o envio de orientações, além de um funcionário encarregado de atuar como multiplicador. Isso facilitará a padronização, colaborando para que você mantenha um bom controle do seu negócio.

Outra forma de criar uma comunicação unificada para a empresa é apostando em um bom plano de marketing. Afinal, comunicar para os clientes é uma forma importantíssima de fortalecer o posicionamento da marca.

Padronizar o atendimento

Um dos benefícios de padronizar o atendimento é aumentar o ticket médio. Afinal, isso permite que os vendedores tenham bem em mente qual produto ou serviço pode ser agregado em uma venda, a fim de fazer o oferecimento ao cliente.

Powered by Rock Convert

Vendas adicionais podem fazer uma grande diferença no final do mês, não é verdade? Por isso, é bom treinar os vendedores, para que pratiquem a venda consultiva e trabalhem de acordo com os processos do negócio.

Manter um bom controle sobre as finanças

Elaborar um bom fluxo de caixa é importante desde o nascimento de uma empresa. Porém, assim que o negócio cresce, administrar as finanças fica cada vez mais complexo.

Mesmo assim, é necessário cuidar bem da receita e da despesa. Para isso é fundamental monitorar as finanças de cada loja, a fim de garantir que nenhuma delas traga prejuízo ao negócio.

Utilizar um software de gestão integrada e centralizada

Como você está percebendo, a boa gestão de uma rede de lojas requer lidar com um grande número de informações e usá-las de modo coerente. Porém, somente um software de gestão integrada pode reunir e organizar todos esses dados, permitindo que você tome decisões bem fundamentadas.

Fazer da evolução tecnológica uma aliada em seu processo de gestão de rede de lojas pode trazer impactos extremamente positivos em seus resultados. Por isso, logo abaixo, listamos algumas das vantagens de utilizar a integração de sistemas para organizar e controlar processos.

Maior qualidade dos dados obtidos

Um sistema automatizado é programado para armazenar (e muitas vezes organizar em relatórios e infográficos) dados valiosos para análise de processos e estratégias. Os melhores sistemas são capazes de fornecer informações em tempo real sobre fatias dos processos realizados na rede de lojas.

Segurança da informação

Os softwares de gestão atuais operam com armazenamento em nuvem. Isso significa que não estão sujeitos a falhas operacionais em máquinas e que são guardados sob um forte sistema de segurança, sendo acessados apenas por quem tem permissão prévia.

Redução de erros

Sabemos que muitos dos processos diários de uma rede de lojas são burocráticos e repetitivos. Planilhas, dados minuciosos, números e estatísticas são alguns dos ingredientes dessa receita diária.

Quando submetidos ao controle exclusivo da mão de obra humana, essa gestão de dados e informações está sujeita a pequenas falhas, derivadas de momentos de distração ou cansaço. Com um software, nenhum desses desvios acontece: programado para gerar tratativas a partir de estímulos padronizados, o sistema age de forma automática em todas as situações, reduzindo o índice de equívocos.

Aumento de produtividade

O resultado final da equação formada pelas variáveis acima é esse: uma equipe mais produtiva e disponível para focar em questões estratégicas, resultados mais ágeis e acessíveis, setores operando de forma integrada e decisões tomadas com mais assertividade e segurança.

Neste artigo, você viu que é possível centralizar a gestão da sua rede de lojas, conciliando o estoque, as finanças, as pessoas e outros elementos com maior eficiência. É claro que a tecnologia ocupa um papel fundamental nessa questão. Por isso, é fundamental escolher os melhores parceiros para viabilizar a implantação do sistema em sua empresa.

Contar com um parceiro que tenha expertise e conhecimento de causa é um fator fundamental para garantir o sucesso da estratégia de automatização em uma rede de lojas.

Se você ficou interessado em adquirir o software ou traçar um plano de ação para o seu negócio, entre em contato conosco e conheça o WM10! Ficaremos felizes em lhe auxiliar nessa importante transformação!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

2 Comentários

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.